Textos

BEIJO E ESCARRO
Agora acelero
Por falta de opção
Sem freios e airbags
Na contramão

A dor é combustível
A memória contradição
O beijo e escarro em desequilíbrio
Na mesma proporção
O elo que nos uni
É o mesmo da desunião

Não quero ficar calado
Não vou gritar ferido
Falar não trás alivio
Não sei o que fazer (2x)

A insegurança da coragem
Pela falta de opção
Fé e ceticismo
Sentimentos e razão
Se colidindo com a mesma precisão
O resultado é imprevisível
Nessa situação
Não dá pra aferir
Quem é maior forte
O perdão ou a traição

Mas não quero ficar calado
Não vou gritar ferido
Falar não trás alivio
Não sei o que fazer

Não quero ficar calado
Não vou gritar ferido
Falar não trás alivio
Não sei o que fazer...
Dom Franklin Mano
Enviado por Dom Franklin Mano em 11/03/2014
Alterado em 11/03/2014
Copyright © 2014. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários


Imagem de cabeçalho: jenniferphoon/flickr